1

1

domingo, 13 de maio de 2018

Saúde e os seus porquês


Saúde e os seus porquês


Comer antes de dormir engorda?

O ganho de peso não se dá com o ato de comer antes de dormir, mas com a quantidade de calorias ingeridas durante o dia. Se você consumiu o total de calorias para manter o seu peso, então pode acabar ganhando peso ao comer antes de deitar-se. Porém, ir para a cama com fome por ter comido poucas calorias durante o dia aumenta o tempo em que seu corpo ficará em jejum e desacelera o metabolismo, evitando a perda de peso. A melhor opção é fazer pequenas refeições em intervalos de 3 horas ao longo do dia, o que manterá o metabolismo preparado para a queima de gordura.
Quem responde: Alex Leite, coordenador da equipe de Endocrinologia do Hospital São Luiz

Dormir de barriga para cima pode fazer mal à coluna?

Não, desde que o travesseiro se amolde ao formato do pescoço, não sendo muito baixo nem muito alto. É necessário colocar um apoio embaixo dos joelhos, favorecendo assim um bom posicionamento da coluna. Lembre-se que dormir de barriga para cima, sem um apoio nos joelhos, e de barriga para baixo são contraindicados, pois essas posições aumentam a curvatura da coluna lombar e podem gerar dor. Dormir de lado é o mais indicado. Nessa posição, o travesseiro preenche o espaço entre a cabeça e o ombro, e indica-se um travesseiro entre os joelhos.
Quem responde: Patricia Andrade Batista, especialista em Fisioterapia na Saúde da Mulher pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

Por que as mulheres têm cólica menstrual?

É importante ressaltar que nem toda dor abdominal é ginecológica, pode ser intestinal, por exemplo. No que diz respeito à cólica menstrual, ela depende de alguns fatores: fisiológicos - como a posição do útero e a propensão genética - e patológicos - como pólipos (carne esponjosa), inflamações e feridas no colo do útero. De forma geral, a alimentação é o ponto chave: evitar frutas ácidas e condimentos e consumir fibras é aconselhável. Outro ponto é tentar evitar emoções de alto teor de estresse e se aquecer, pois o frio contrai a musculatura e piora a sensação incômoda da cólica.
Quem responde: Albino Cardoso Pereira Neto, especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Universidade Federal do Pará

Como diferenciar as angústias diárias da depressão clínica?

Na realidade, não se sabe até hoje o que causa a depressão - cada caso é um caso. O problema é que muitos pacientes chegam ao consultório médico já com o diagnóstico pronto: acreditam que sabem o que têm e alguns até já indicam qual remédio querem tomar. Para um diagnóstico preciso, é fundamental consultar um psiquiatra e ver se é o caso de acompanhamento psicológico ou de tratamento medicamentoso. É importante lembrar que tudo isso não vai "curar" o indivíduo, mas auxiliar no controle de crises e sintomas depressivos - já que a depressão é uma combinação de fatores físicos e mentais.
Quem responde: Ivan Morão, chefe da Psiquiatria do Hospital São Luiz

Fonte: Revista Viva Saúde - por Ive Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário