1

1

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Escrever em linguagem de internet vicia?

Escrever em linguagem de internet vicia?


Ainda não há nenhuma pesquisa séria para saber se as redações de escola ou outros textos produzidos fora da internet foram contaminados com "vc", "axim", "naum"... Mas muitos especialistas acreditam que a galera consegue deixar o "internetês" só no mundo virtual. "Os jovens não confundem, não. Eles sabem que essa linguagem econômica só é adequada para os ambientes digitais", diz a lingüista Maria Irma Hadler Coudry, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Um bom indício dessa percepção rolou aqui mesmo na revista mundo estranho. Na edição de julho deste ano, perguntamos aos leitores: "Vc axa q a próxima secaum Internet deveria ser escrita desse jeito, tipo msn?" A enquete teve quase 2 mil votos, e 56% da galera decidiu que "naum" - ou melhor, não. "A língua escrita não vai acabar. O que pode acontecer é surgir uma outra variedade, como o ‘internetês’, mas a língua culta e essas variedades vão continuar convivendo", diz Maria Irma.

Nada impede, porém, que a "linguagemmsn" influencie a língua portuguesa. A palavra "você", por exemplo, surgiu a partir de seguidas abreviações da expressão "vossa mercê", que passou primeiro para "vossemecê", depois para "vosmecê", até chegar à forma atual, aceita na boa na linguagem escrita. Será que um dia essa história não termina num "vc"?

Fonte: Revista Mundo Estranho - por Marina Motomura

Nenhum comentário:

Postar um comentário