1

1

Google+ Followers

segunda-feira, 17 de abril de 2017

* O PAPEL DO PROFESSOR

* O PAPEL DO PROFESSOR

          O professor é o grande agente do processo educacional.

          Nos dias atuais as informações nos chegam rapidamente e o que antes demorava décadas para mudar, hoje ocorre da noite para o dia.

          Anteriormente o papel do professor era transmitir conhecimentos, mas isso acontecia porque as crianças viviam em lares estruturados e sabiam que onde viviam era um ambiente seguro para eles. Hoje a realidade é outra, a estrutura familiar foi modificada. Muitas vezes os pais nem vêem os filhos direito, pois ficam maior parte do tempo fora de casa trabalhando, enquanto as crianças ficam sozinhas sem afeto, carinho e não há diálogo neste relacionamento entre pais e filhos. Raros os pais que conseguem dedicar um tempo de amor e atenção aos filhos.

          Sabemos que são poucas crianças que tem a base inicial com seus pais em questão de: base moral e respeito aos limites.

          Nós educadores, nunca substituiremos os pais e nem devemos assumir o papel deles. Mas cabe a nós contribuirmos de maneira adequada, com a parcela que nos cabe, na formação de personalidade desta criança, pois elas aprendem pelo exemplo.

          A criança é um ser humano que para viver necessita de: amor, carinho, apoio e também limites.

          A criança precisa ser compreendida em todos os seus aspectos: físico, cognitivo, social e espiritual, pois vivemos num momento de grandes mudanças.

         
          Fica claro a importância da família no desenvolvimento da criança na auto estima e a participação do educador juntamente com a família.     Sabemos que é trabalho dos adultos: incentivar, acolher, auxiliar e estimular a criança, a desenvolver as suas potencialidades.

          
          Educar náo é fácil, e nós no papel de educador temos a obrigação em qualquer situação de: intermediar o conhecimento do aluno,ser flexível, receptivo e crítico,estabelecer com clareza os objetivos a atingir, trabalhar em equipe junto à comunidade, ter sensibilidade para se auto avaliar, ser referencial de comportamento ético e cívico e zelar pelo cumprimento do nosso trabalho.



          Sabemos da importância dos equipamentos  da escola, em laboratórios de informática, biblioteca, anfiteatro, quadra esportiva...  Mas tudo isso, não se compara ao papel e a importância do professor.
          Muitos dizem que no futuro os computadores irão substituir o professor e que o mesmo perderá sua importância. Mas não é bem assim. O computador nunca substituirá o professor. Por mais evoluida que seja, a máquina não é capaz de dar afeto, de passar emoção, dar carinho, dar amor, de vibrar com a conquista de cada aluno. Isso é um privilégio humano.

          
          Sabemos também que um fator fundamental para ser um bom professor é a sua formação, não apenas a graduação ou pós graduação, mas a formação continuada, as atualizações e os aperfeiçoamentos.

          Para que o professor desempenhe bem a sua função, ele precisa conhecer bem as matérias e os temas transversais. O professor precisa acreditar no que diz, ter convicção em seus ensinamentos para que os alunos também acreditem e se sintam envolvidos. Precisa de preparo para alcançar os objetivos que planejou.
         Sabemos que tudo na vida exige uma preparação. Uma aula bem preparada, organizada, certamente será bem sucedida.

         Preparação é planejamento. No início do ano muitos professores fazem o planejamento de qualquer maneira, apenas para cumprir exigências formais.
         Se o professor refletir bem cada item do seu planejamento, sem dúvida terá menos trabalho durante o  ano para o cumprimento de seus objetivos que planejou, pois ele saberá onde chegar, que  tipo de habilidades precisa ser trabalhada e como avaliar o processo do aluno.

        Enfim, o professor deve se um aliado na construção do indivíduo (aluno) e não, simplesmente, um transmissor de disciplinas. O professor deve ainda estar apto as contínuas mudanças de nosso dia a dia.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/o-papel-do-professor.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário